sexta-feira, 12 de janeiro de 2007

Mão de esperança ou a foto do século

U.S. Journal, 1999
A foto é de um feto de 21 semanas, cuja mãe estava a ser operada pelo cirurgião Joseph Bruner.
Foi diagnosticada ao bebé “coluna vertebral fissurada” e não teria hipóteses de sobreviver, a não ser que fosse operado ainda dentro do útero da mãe.
A mãe, Julie Armas, é enfermeira obstetra em Atlanta. Dessa forma tomou conhecimento do inovador procedimento cirúrgico do Dr. Bruner, que exercia no Vanderbilt University Medical Center, em Nashville. O médico interveio através do útero, por uma abertura, tendo efectuado uma pequena incisão para operar o bebé. Quando Dr. Bruner terminou a cirurgia ao feto, este estendeu a sua pequena mão pela incisão e agarrou com firmeza a mão do cirurgião. O Dr. Bruner disse que quando viu o seu dedo agarrado, esse foi o momento mais emocionante da sua vida, e por um instante, durante o procedimento tudo ficou totalmente imóvel. O fotógrafo capturou esse acontecimento impressionante com perfeita nitidez. Os editores nomearam a foto “hand of hope” ("mão de esperança").

O texto da manchete explica as fotos a seguir:
"A pequena mão do feto de 21 semanas, Samuel Alexanders Armas, emerge do útero de sua mãe para agarrar o dedo do Dr. Joseph Bruner, como se estivesse agradecendo ao médico pelo dom da vida."
"A mãe do pequenino diz que eles "choraram durante dias" quando viram a foto. Ela disse: "A foto lembra-nos que a minha gravidez não tem a ver com deficiência ou uma doença, mas sim com uma pequena pessoa."

A operação foi 100% bem sucedida.
Samuel nasceu com perfeita saúde no dia 2 de Dezembro de 1999.


6 comentários:

ana horta disse...

Fotos brutais!!! (no bom sentido, é claro)

B@aptist@ disse...

E então é assim tão diferente o instinto de sobrevivencia de um bébé com 21 semanas ou com 10? Alguém pode imaginar o sofrimento que tem ou não um embrião com 8, 9 ou 10 semanas a ser aspirado, quiemado ou salinizado num aborto??
alguém tem dúvidas que, se pudesse decidir queria viver???
Não é uma babrbaridade o Estado, os que fizeram a pergunta do referendo e nós todos deixarmos que isto aconteça quando der na gana a uma mãe desorientada, só porque não somos todos capazes de a ajudar melhor????

v. melo disse...

Lindo!! É mesmo verdade?

Anónimo disse...

Simplesmeste maravilhoso!!! Quanta emoção senti ao ver esta foto. O ato de gerar uma uma vida é realmente o bem mais precioso que Deus concedeu a nós mulheres!!!

Daiana disse...

Vendo essas fotos lendo essa historia e sentindo meu anjinho mexendo aqui dentro de mim, não sei nem como explicar o que eu to sentindo, tenato que a vontade é de chorar mais as lagrimas não vêem, lindo demais

Anónimo disse...

Sou tão a favor do aborto que acredito que aaqueles que o defendem e o praticam deveriam ter sido abortados. Viva a vida.
Roderlei